Dicas para assentar pisos: cerâmica e porcelanato

Assentar pisos, como cerâmicas e porcelanatos, é uma tarefa relativamente fácil e simples. A seguir, vamos explicar alguns cuidados necessários para conseguir realizar essa tarefa sem dificuldades.

Escolhendo a argamassa colante

Primeiro de tudo, é preciso saber qual argamassa colante
deve ser utilizada. A NBR 14081 classifica as argamassas em três principais
tipos: ACI, ACII e ACIII.

Via de regra, o uso de cada uma delas depende do tipo de assentamento
(interno ou externo) e o tipo de peça que será assentada (tamanho e material).

  • ACI – somente uso interno (somente para
    cerâmicas).
  • ACII – uso interno e externo (usualmente,
    somente para cerâmicas).
  • ACIII – uso interno e externo com maior
    aderência (normalmente, indicado para porcelanatos).
  • Além destes três tipos normatizados, existem
    ainda outras nomenclaturas, como Grandes Formatos, Piso sobre Piso etc., cada
    uma delas sendo específica para uma aplicação.

Para ter certeza qual tipo de argamassa é mais indicado, recomenda-se conferir na embalagem do produto ou consultar diretamente o fabricante, antes da compra.

Podem existir diferenças nas especificações de cada fabricante, como no tamanho máximo da peça a ser assentada, por exemplo.

Preparação prévia

Antes de começar o assentamento, é preciso ainda verificar
algumas coisas:

  • Regularidade da superfície – ausência de buracos
    ou lombadas.
  • As superfícies devem estar limpas, secas e livre
    de óleos ou tintas.
  • Já deve existir o caimento adequado – não é
    recomendado realizar correções de caimento ou irregularidade de piso com
    argamassa colante. Normalmente, as argamassas podem ser aplicadas somente em
    fina espessura (até 1 cm).

Paginação

Depois de já ter escolhido o tipo de argamassa colante ideal
e a superfície estar preparada, é necessário analisar como será feita a
paginação do piso. Ou seja, por onde você iniciará o assentamento e como ficará
o desenho final.

Primeiramente, é necessário avaliar se o cômodo está corretamente em esquadro, ou seja, se o todas as paredes formam um ângulo de 90º entre si. Para isso, a ferramenta mais adequada é o esquadro, tanto o convencional (Figura 1), como o laser (Figura 2).

Escolha do canto inicial

Estando o cômodo com todas as paredes em esquadro, inicia-se a colocação do piso por um dos cantos, à escolha de quem estiver fazendo a paginação.

Usualmente, as peças são deixadas cortadas em cantos onde haverá móveis ou cortinas, de forma que não se destaquem.

No exemplo abaixo, iniciou-se a colocação pelo canto inferior direito e foi necessário recortar as peças junto ao box e na parte superior do cômodo.

Figura 3 – Cômodo em esquadro (Fonte: Vivadecora)

Cômodo fora de esquadro

Caso o cômodo não apresente esquadro em todas as paredes, é necessário fazer uma análise com mais calma e pensar em uma paginação que permita o menor número possível de cortes, reduzindo as perdas.

Note que, no caso da Figura 4a, iniciou-se a paginação pelo
canto superior esquerdo, o que originou recortes na parte superior e inferior.  Mas nada impede que se começasse a paginação
pelo canto superior direito, como na Figura 4b, por exemplo.

A principal diferença na Figura 4b é que se usa menos peças
inteiras. Na Figura 4a, se tem 25 peças inteiras e 10 recortes pequenos. Na
Figura 4b, se teria 20 peças inteiras e 10 recortes maiores.

Se na obra já houver vários restos de cerâmicas, pode ser que seja interessante a paginação da Figura 4ª, para conseguir aproveitas estes pedaços.

Figura 4 – Cômodo fora de esquadro

Além disso, é sempre interessante se realizar o assentamento
do final do cômodo para a porta. Desta forma, se evita que o assentador pise e
desloque as peças recém-colocadas.

Feita a escolha da paginação, está na hora de começarmos o
assentamento das peças.

Assentamento

Para a mistura da argamassa, siga sempre a quantidade de água sugerida pelo fabricante na embalagem. Preferencialmente, use um balde graduado para realizar a medição corretamente. Excesso ou falta de água podem comprometer o desempenho da argamassa.

Sugere-se ainda sempre realizar esta mistura com
misturadores mecânicos (argamassadeira ou furadeira).

Utilize sempre uma desempenadeira com dimensões sugeridas
pelo fabricante da argamassa adquirida. Isso ajuda a garantir uma melhor
aderência.

Deve-se ter especial atenção às peças aplicadas externamente, ou com dimensões maiores do que 900cm² (30×30). Nestes casos, é necessária a realização de dupla colagem, ou seja, que seja aplicada argamassa colante tanto na base (contrapiso), quanto na placa cerâmica, conforme demonstrado na Figura 5.

Figura 5 – Dupla colagem (Fonte: PINIWeb)

Aplicação

Depois de misturada, a argamassa pode ser aplicada por até 2h-2,5h, variando de acordo com o fabricante.

Entretanto, após aplicada a argamassa na parede ou na peça cerâmica, é necessário que se realize a colagem em no máximo 20 minutos. Depois deste prazo, a placa pode não aderir bem à base e acabar soltando com o tempo.

Por isso, não é recomendado que se abra um pano maior que 1 m² por vez. Desta forma, é possível realizar a colagem sempre dentro de 20 minutos.

Após aplicar a peça no local, vá movimentando-a levemente para que chegue na posição correta e não esqueça de utilizar o espaçador.

Depois, bata na peça com um martelo de borracha para que a peça assente completamente sobre a argamassa, amassando os dentes criados anteriormente pela desempenadeira.

Retire o excesso de argamassa que sobe pelas juntas das
peças com uma espátula e limpe a superfície das peças cerâmicas com um pano
úmido ou esponja.

Repita essa operação até fechar todo o cômodo.

Feito isso, aguarde ao menos 72h (ou conforme indicado pelo
fabricante) para tráfego leve de pessoas e rejuntamento.  Normalmente após 10-15 dias o trafego já pode
ser liberado.

OBS: Recomenda-se sempre ler a ficha técnica do produto antes da utilização. Desta forma, você garante que a aplicação siga o recomendado pelo fabricante da argamassa colante.

Agora que você já sabe como assentar pisos, mãos à obra! Faça um belo acabamento e divulgue nas suas redes!

The post Dicas para assentar pisos: cerâmica e porcelanato appeared first on Portal Amigo Construtor.

Dicas para assentar pisos: cerâmica e porcelanato Publicado primeiro em https://www.amigoconstrutor.com.br

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s